domingo, 22 de março de 2009

Para minha irmã juliana.

Ju minha irmã, não tenho palavras prá expressar o quanto me emocionei com seu post, fiquei feliz de mais e ao mesmo tempo saudosa da nossa época, de quando só éramos nós três e crianças. Temos recordações de mais vividas juntas, a maioria engraçadíssimas que somente eu e você passamos, Você não é apenas uma irmã mas, uma cúmplice de vida, de alegrias, de tristezas, de peraltices, principalmente peraltices, Como nós aprontamos crianças né ju, e o melhor de tudo era que nossa mãe não ficava sabendo de nada, só ano passado que ela descobriu porque contamos e ela ficou passada de saber que éramos duas meninas muiiito levadas que aprontava todas mas sempre na casa dos outros prá ela nào ficar sabendo kkk. Nossas artes eram inteligentes e muito criativas, passávamos horas planejando o "crime", éramos realmente as crianças mais felizes do planeta, eu, pelo menos me sentia assim, curtimos muito juntas e sempre confiamos muito uma na outra, como vc disse no post temos um certo magnetismo que só Deus pode explicar, sempre adivinhamos o que a outra tá pensando ou sentindo, mas acho que esse magnetismo nada mais é do que o amor que sentimos uma pela outra. Te amo muito minha irmã caçula você é muito especial, obrigada pelo carinho e pelo belo post que fez em minha homenagem você é "MARA"com M maiúsculo.

Quem quizer ver o que ela escreveu, o endereço do blog dela éhttp://jullysbook.blogspot.com/ passem lá a ju escreve post ótimos eu pelo menos sou sua fã.

Um comentário:

JuX disse...

Opssssssss... já tô eu chorando de novo... vai acabar dando um curto circuito aqui no pc...

Ainda bem que foi que postou essa sua foto com cara de maluca...eu até pensei em pubicar aquela do Natal eu vc e a Lu... mas aí eu lembrei que eu tenho amor aos dentes hahahahaha...
Lena, temos que escrever um livro sobre nossa infância, se bem que seria proibida a venda pq as crianças jamais seriam as mesmas depois de ler... rs respondi no post de cima tbm...
Bjossssssssssssssssssss
Te amo!

Ps: agora a palavra é... SATER... será que uma homenagem ao Will que gosta do Almir Sater?
rs