sábado, 31 de janeiro de 2009

Bombou na Web.

Animações quadro a quadro costumam ter destaque na rede. O mais novo exemplo é o clipe da música “Her morning elegance”, do cantor israelense Oren Lavie. O clipe simula um sonho, e todas as cenas foram gravadas numa cama. O vídeo foi visto 520 mil vezes.



Achei linda a música e o clip então? Perfeito. Vale a pena assistir.
Alguém já conhece essa música?

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Mãe é mãe, não importa a espécie.

Olha que belas fotos de uma mamãe e seu filhotinho. Essa notícia eu li hoje no site http://colunas.epoca.globo.com/animal/2009/01/30/bebe-orangotango-em-cingarupura/ achei tão lindo, daí fiquei pensando... como pode existir mãe e pais Humanos que abandonam, machucam e até matam seus próprios filhos Que essas fotos sirvam de exemplo para elas.
Segue abaixo fotos e matéria:
Bebê orangotango em Cingapura
Sex, 30/01/09
por epoca
categoria Geral, orangotango
A mamãe orangotango Anita, de 24 anos, exibiu nesta quinta-feira (29), pela primeira vez em público, seu novo rebento, a fêmea Meng, nascida no Zoológico de Cingapura no último mês de dezembro.
Meng é o 35º orangotango nascido no zoológico de Cingapura. O país é referência na preservação de animais selvagens.



Uma vez em minha casa, eu devia ter meus 8 anos, chovia muito forte e no quintal começou a encher de água, Nós tínhamos uma gata que havia acabado de dar a luz a 5 gatinhos. Nessa noite, quando a água começou a subir ela estava lá com seus filhotes e de repente ouvimos arranhões e miados vindo da porta dos fundos, quando abrimos era ela, toda molhada com um gatinho na boca. Minha mãe deixou ela entrar pois, ela apenas deixou o filhote lá e voltou na chuva para salvar o resto, fez isso mais quatro vezes, depois lambeu um a um e só então ela se lambeu, se secou e deitou ao lado deles bem despreocupada porque seus filhos estavam seguros. ë ou não é uma lição prá muitas digamos "mamães"que não estão nem aí pros seus filhos??? beijos e uma ótima semana para todas.



quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Presntinhos da Cilinha

Ganhei mais dois selinhos, dessa vez da minha querida amiga Cilinha do blog minha vida pelo mundo(http://cilinha1952.blogspot.com/) Achei tão lindinhos, obrigadão mesmo viu Cilinha! Adorei. Assim como ela, dedico também a todas a amigas que por aqui passarem, é só pegar. Beijinhos.

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Mais um desafio.

A minha querida amiga Cilinha do blog Minha vida pelo mundo(http://cilinha1952.blogspot.com/) me chamou para participar de um desafio interessante,inventado por uma amiga dela, a Fabiana, do blog http://juliamariah.blogspot.com/ o desafio :"Foto da Semana", Assim, transcrevo para aqui o texto com o regulamento que copiei do blog da Cilinha:
" Olá!Gostaria de propor a TODAS um post semanal com o título: Foto da semana!Pensei assim:
* Toda semana colocaremos uma foto no blog com o título "Foto da semana - 1ª Semana!"; "Foto da semana - 2ª semana" e assim por diante...
* Faríamos 12 semanas seguidas.
* Fica a critério de cada uma escolher a foto, pode ser das crianças, paisagens, alimentos, fotos mais antigas, animais, montagens... fica a critério de cada uma, usando a criatividade e estilo de cada mamãe, só penso que nesse post deveria ser postada uma única foto.
* Também fica a critério de cada uma escrever sobre a foto ou apenas colocar uma frase sobre ela.
* O dia da semana para fazer o post também fica livre, começamos a semana no domingo e terminamos no sábado, então qualquer dia tá valendo.
Eu também achei bem legal a ideia e estou contando com a participação de todas, dessa forma toda semana teremos um post novo nos blogs e ficaremos curiosas pra ver a foto da semana de cada uma...
Faço das palavras de minha amiga as minhas, Também tô nessa Cilinha. E a minha primeira foto é...
Foto da primeira semana:
Adoro essa foto, resolvi colocá-la em homenagemao meu sétimo ano de casamento que irei fazer dia 12 de fevereiro, antes éramos apenas nós dois como o tempo passa rápido... Já são 10 anos de muito amor e felicidades.

Will eu nem sonhava em te amar desse jeito...

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Pesos e medidas...

Hoje fomos à pediatra para a consulta mensal do Gabriel e a da Luíza. Fiquei feliz com o resultado, ambos cresceram e ganharam peso.
  • Luíza hoje pesou 15,300kg( ganhou 1, 300kg) e mediu 97cm (cresceu mais 2 cm);
  • Já o Gabriel pesou 8700kg (ganhou 400gr) e mediu 72 cm (cresceu 1 cm e meio).

***************************************************
Ontem fui às compras escolares, a Lulu recomeça as aulas dia 02 de fevereiro e a lista de material foi grande, o pior foi comprar, voces tem idéia do que é entrar em uma loja Lotada de gente enlouquecida, com um calor insuportável, e duas crianças uma querendo mamar e a outra querendo comprar a loja inteira? O Gabriel, eu resolvi, sentei em um cantinho da loja e amamentei, mas a Luíza... essa temos que ter jogo de cintura, argumentos convincentes e muita, mas muiiiiiiiita paciência. Tadinha eu até entendo ela, em pé esperando, naquele tumulto todo... mas, o que eu podia fazer? Não tenho com quem deixá-los, Somos apenas eu e meu esposo nessa cidade, o will até que tentou distraí-la mas ela só queria saber de explorar a loja que é enorme e muito movimentada, passamos o maior sufoco com ela mas, conseguimos comprar tudo o que ela precisava.
Compramos uma outra mochila para ela pois, a dela é muito pequena e esse ano ela vai precisar de uma maior.


domingo, 25 de janeiro de 2009

Mais um presentinho bem vindo.

Acabei de receber agora esse presentinho por e-mail da minha querida amiga Sofia, mamãe da Joana do blog A cegonha cor- de- rosa (http://acegonhacorderosa.blogspot.com/) fiquei muito feliz pois, como sabem eu adoro receber esses presentinhos. Quero repassá-lo para todas as minhas amigas blogueiras que por aqui passarem, podem pegar que eu divido com voces, beijos e uma ótima semana a todas.

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

A pergunta é...

Fui hoje desafiada pela minha querida amiga Cilinha do blog A minha vida pelo mundo (http://cilinha1952.blogspot.com/) a responder o que é felicidade prá mim.


Para mim, A felicidade é um fruto que se colhe da felicidade que se semeia, entendeu?? Nós colhemos aquilo que plantamos Prá mim, não existe a busca da felicidade, podemos sermos felizes por simplesmente fazer os outros felizes. É um bem que se multiplica ao ser dividido, diz a letra de uma música que , "fica sempre um pouco de perfume nas mão que oferecem rosas"eu tento sempre fazer a minha parte, por isso, eu sou muito feliz.

Sou feliz também porque
  • amo e sou amada
  • tenho filhos lindos, felizes e saudáveis
  • tenho uma vidinha tranquila
  • apesar de morar em outra cidade, tenho meus pais e minhas irmãs por perto, somos muito unidos
  • sou mimada por meu marido e mimo muito ele também
  • tenho exatamente tudo que eu mereço e sei disso.
  • Tenho esse blog que me rendeu muitos amigos

Deixo abaixo um pensamento lindo sobre felicidade para inspirar agora a 7 blogueiras para responder a estas 7 perguntas ....

http://bocadinhosdenos.blogspot.com/

http://clubedaconversa.blogspot.com/

http://lusimplesmente.blogspot.com/

http://jullysbook.blogspot.com/

http://vida-aos-sopros.blogspot.com/

http://acegonhacorderosa.blogspot.com/

http://saraoujoao.blogspot.com/

Sintam-se desafiadas e sejam sempre felizes, beijos.



terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Luíza e o gato

Esse fim de semana, apareceu um gatinho lá na calçada da casa de minha mãe e Luíza tratou de colocar prá dentro de casa. se agarrou com o gato, melhor dizer, gata e não queria saber de mais nada. até aí tudo bem,eu também ficava louca com os gatos da casa de minha avó, não deixava eles em paz um só minuto,mas o problema foram as brincadeiras, primeiro Luíza me pega a gatinha e mostra prá KIka( cachorrinha da minha mãe) que fica eufórica deixando a gata nervosa e arranhando o rostinho da Lulu todo. Depois, resolve dar um banho na coitada e mais uma vez sai a gata em desabalada carreira, após o"banho"resolveu brincar de comidinha com o bichano, porém a "gata"era a comida e a a assou ( de brincadeira lógico) depois de eu ver a pobre presa dentro do forninho microondas dela fiquei num nervosismo com a cena e botei a gataprá fora de casa, mas a boba resolveu voltar e daí, aconteceu:Luíza foi pegar refrigerante na geladeira segurando a gatinha com uma das mãos. só que ela não aguentou a garrafa e o gato então, deixou a coitada dentro da geladeira e feixou a porta levando com ela a garrafa de refrigerante. Ainda bem que minha mãe entrou naquele momento na cozinha e salvou a pobrezinha.Dessa vez fiquei brava com ela, disse que ela poderia ter machucado a gatinha, pus mais uma vez a gata prá correr mas, no outro dia quem surge?? a sofredora, daí deixei prá lá, afinal parece que a boba da gata estava era gostando da sessão de tortura.
Abaixo, fotos da Lulu com a Gatinha:

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Voltando..

Oi gente boa e amiga, desculpem o sumiço, é que estou já a mil por hora com os preparativos da festinha de aniversário do Gabriel. Encomendei a festa de Palhaço mas, eu mesma que estou fazendo as sacolinhas surpresa, e outras lembrancinhas da festa. Quinta- feira eu fui prá Cataguases e fiquei por conta disso o final de semana inteiro, mal deu prá checar os meus e-mails. Acho que vai ficar bonitinha a festa, vou postar fotos do que estou fazendo sempre por aqui, começando hoje com as sacolinhas surpresa que fiz de E.V.A


Domingo de manhã levamos as crianças para bricar um pouco, aproveitei e tirei algumas fotos dos dois em momento de descontração, vejam só:



Beijose boa semana.

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Prêmio...Que chique!!!!


Ganhei Hoje da minha amiga Sandra do blog Clube da conversa (http://clubedaconversa.blogspot.com)/ Obrigadinha amiga por se lembrar sempre de mim tá?

A regra é :

- colocar a imagem do selo no seu blog
- Linkar o blog pelo qual recebeu a indicação-

nomear outros 15 blogs a quem entregar o PRÉMIO DARDOS-

informar os escolhidos

Bom , como sempre eu também quebro as regras e ofereço a todas, (mas todas mesmos) amigas que sempre me visitam.

Podem pegar o selo também é de vocês. Beijos.

Avós sofrem Hi hi hi.

Meus pais estão aqui em casa ha alguns dias e a Luíza adorando a farra, brinca o dia todo com eles. Hoje pegou seu estojinho de maquiagem e veja só o que aprontou com eles:

De acordo com ela, eles ficaram maximalmente bonitos, o que quer dizer isso???

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Para todas voces.

Minha mãe me mandou essa mensagem, achei tão linda que eu também quero dividir com voces.

Uploaded on authorSTREAM by tintifloyd

Beijos no coração.

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Presentinho, obaaaaaa.

Adoro ganhar presentinhos para colocar aqui no blog. Esse eu ganhei da minha amiga Sandra do blog Clube da conversa. Obrigada amiga por ter se lembrado de mim tá? Beijos para você. Dedico esse presente as minhas amigas visitantes, todas elas, em especial a minha irmã Luciana do blog simplesmente Lu que está aniversariando hoje.

Parabéns minha irmã!!!

Hoje é um dia prá se comemorar muito. É aniversário da minha irmã mais velha, uma pessoa inteligentíssima, a qual eu como a irmã do meio sempre admirei, sempre achei ela o máximo e torço por ela em tudo que ela acredita e realiza. Lu, você é "MARA" te amo de mais minha querida, te desejo tudo de bom nessa vida, é uma pena hoje eu ir prá Cataguases e você não estar lá para eu te abraçar pessoalmente, mas o que importa é que você nesse momento'está vivendo um momento único em sua vida e se desse jeito você está feliz, pode apostar que eu também estou por você. Beijos e fique sempre bem assim mesmo do jeitinho que está.


Prá quem não sabe, MARA é uma gíria brasileira do momento e quer dizer MARAVILHOSA.

Beijos. e uma ótimo fim de semana.

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

A reforma ortográfica.

Segue abaixo dois textosque refletem bem o que eu penso sobre essa tal reforma ortográfica. que passou a vigorar aqui no Brasil dia 01 de janeiro. Mas antes peço desculpas pelos meus erros ortográficos pois , já nem sei mais se estou escrevendo corretamente, me sinto uma semianalfabeta (agora é assim que se escreve?), Puts! a coisa vai ficar feia prá muita gente.

Reforma ortográfica: não engula este engodo!, por Clóvis da Rolt*

Neste primeiro artigo de 2009, sinto-me tomado por uma indecisão: devo escrever como o Sarney quer que eu escreva? Para os desavisados, não custa lembrar que estão em vigor as novas regras de ortografia para os países que falam a língua portuguesa, o que inclui o Brasil. O feito é resultado das maquinações cerebrais de ninguém menos que José Sarney, que, desde a década de 1990, vinha tentando emplacar a adesão do Brasil à reforma ortográfica.Grandes intelectuais, escritores e estudiosos brasileiros já se manifestaram contra a reforma baseados em inúmeros argumentos. A maior violência da reforma, segundo penso, reside no fato de que ela não considera a língua um elemento de coesão nacional, mas um produto de barganha comercial e geopolítica típico do pensamento pré-inteligível da maioria de nossos políticos.As mudanças parecem simples, mas causarão um estrago de grandes proporções. A reforma de 1971, proposta por Jarbas Passarinho, é um exemplo claro de que três ou quatro gerações não são suficientes para assimilar as alterações na forma escrita da língua. Palavras como “idéia” e “azaléia”, desde o primeiro dia do ano de 2009, perderam o acento agudo e passaram a ser grafadas “ideia” e “azaleia”. Mas e as palavras “meia” e “aldeia” – dirão alguns –, que nunca tiveram acento? Ora, elas continuarão sem acento, só não sei que mágica os professores farão para ensinar a uma criança que está sendo alfabetizada que “ideia” e “aldeia”, embora se pareçam na grafia, distinguem-se na sonoridade pela pronúncia, já que era o acento que cumpria essa função distintiva.
Há vários estudiosos da língua que também aludem à visualidade do texto escrito como argumento central para o repúdio ao acordo ortográfico. Isso quer dizer que inúmeras palavras estão memorizadas em nosso repertório de signos sem que seja necessário sabermos as regras ortográficas ao pé da letra. Isso é muito comum em pessoas que têm o hábito da leitura e que aprendem o código escrito da língua pela visualidade do texto.O que é mais grosseiro neste acordo é a alegação que sustentou suas bases políticas, segundo as quais haverá maior unidade cultural entre os países falantes da língua portuguesa. Não precisa pensar muito para constatar que isso é um descalabro. Alguém é capaz de lembrar qual foi o último romance que leu de um autor africano? (Mia Couto não vale, porque ele está na moda.) Será que depois deste acordo teremos uma avalanche de autores de Cabo Verde e do Timor Leste nas bibliotecas de nossas escolas? Trocaremos uma pós-graduação na França, nos Estados Unidos ou na Alemanha por uma na Guiné Bissau, já que agora estamos – legalmente, diga-se de passagem – irmanados aos africanos falantes do português?José Sarney é mais um sujeito frívolo que bate continência à mistificação globalizante que prega que estamos todos num mesmo caldeirão cultural planetário. Contudo, são ingênuos os que pensam que a língua portuguesa ficará mais fácil sem alguns acentos ou com as novas regras de hifenização; pelo contrário, ela terá uma complexidade a mais, que se refere ao desaprendizado da grafia antiga para a assimilação da grafia nova. Não teria sido mais simples, ao invés da reforma, investir dinheiro público em programas de qualificação do ensino da ortografia da língua portuguesa escrita no Brasil até 2008?Como não sou um sujeito muito integrado ao legalismo que tem a pretensão de comandar nossas vidas, sugiro aos meus leitores que continuem escrevendo como sempre escreveram. A língua não tem certo ou errado, pois ela é uma construção social totalmente arbitrária; se não é fruto de violências colonialistas, é fruto de dominação simbólica. E digo isso baseado num argumento muito simples: quem constrói a língua são os seus usuários e não a lei. Aliás, a própria lei tem como matriz o texto escrito, ou seja, ela é um duplo absurdo. A língua não é um fato primordial que nasce com o sujeito, visto que ela é aprendida, assim como se aprende a comer usando talheres. Tanto uma prática quanto a outra envolvem decisões que estão na base do poder legitimador dos estratos sociais mais fortes sobre os mais fracos. Comer usando as mãos, portanto, não é certo nem errado, é apenas uma forma de comer dentre tantas outras possíveis.No âmbito desta patuscada legalista, uma coisa é certa. Os leitores brasileiros, portugueses e africanos podem ficar sossegados, pois os livros de José Sarney (que também é escritor – pasmem!) não serão encontrados em nenhuma livraria em edições comemorativas ao novo acordo ortográfico. Isso porque sua obra é tão irrelevante para a cultura nacional, que continuará eternamente empoeirada em meio aos tremas e acentos que ele tanto detesta. O máximo que seu intelecto renderá é um busto no átrio das personalidades mais descartáveis da história brasileira.

http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default2.jsp?uf=1&local=1&source=a2355698.xml&template=3898.dwt&edition=11431&section=1012

Fui roubado!, por Percival Puggina *

Preferiria que me tivessem tomado a carteira. No entanto, os perversos fizeram pior: levaram-me um prazer. Desses ótimos, que não são pecado nem fazem mal à saúde. Sequestraram-me (assim, sem trema), o gosto de escrever, como aprendi e me agrada, para impor-me regras que não aprendi e das quais desgosto. Proclamo-o, portanto, aos meus leitores. Queixo-me ao papa. Lamento-me diante do altar. Fui roubado, Senhor. O Réveillon de 2009 fez sumir pelos ares, como borbulha de champanha, a satisfação que me causava a tarefa cotidiana de colocar ideias (agora é assim mesmo, sem acento) no papel, usando, para isso, vocábulos com a grafia convencionada em 1943, um ano antes de ser expedida minha certidão de nascimento. Levaram-me palavras de estimação, minhas há seis décadas!Poderíamos absorver os incômodos da nova ortografia se nos provassem que escrevíamos de modo incorreto, mas não foi isso que aconteceu. Ficou errado o que antes escrevemos certo. E doravante, se quisermos redigir com correção, teremos que nos familiarizar com outros padrões. Precisaremos nos debruçar sobre as preferências de uns poucos que, por puro deleite, decidiram que a elas deveriam submeter-nos. Quem os constituiu senhores do idioma?Certa feita, estando na praia de Iracema, em Fortaleza, um rapaz de bicicleta passou por mim e, num safanão, arrancou-me o celular. Em reação, esgotei contra ele, aos berros, os piores adjetivos que me ocorreram. Gritei tanto palavrão, tão alto, que o sujeito quase trombou com a bicicleta numa árvore tentando olhar para trás. Naquele momento eu fiquei indignado. É o mesmíssimo sentimento que me move agora, com outras palavras, mas com igual motivação. Estou berrando este artigo e compareço aqui como quem vai à delegacia declarar-se vítima de uma pilhagem.Retorno à demência das novidades que afetarão os hábitos ortográficos de 230 milhões de pessoas. Convenhamos! Seria perfeitamente aceitável o incômodo se, por exemplo, variações fonéticas ocorridas ao longo dos anos tivessem posto a linguagem escrita em desacordo com a falada. Mas isso, onde aconteceu, não está contemplado na reforma. Também seria aceitável se a grafia em vigor até o dia 31 estivesse eivada de irracionalidade, constituindo-se em embaraço para a alfabetização e para o ensino do idioma. Mas não. Bem ao contrário. Imagine, leitor, crianças que estejam cursando as primeiras séries do fundamental. Ano passado aprenderam de um jeito, agora terão que desaprender e voltar a aprender. “Mas vem cá, ‘psora’ – dirão elas –, vocês não se entendem?” Pois quanto mais me empenho em entender, mais aumenta minha irritação, compartilhada por inúmeras pessoas que me informam sua decisão de continuar escrevendo do mesmo jeito. Invejo-as, mas estou profissionalmente impedido de acompanhá-las nessa operação-padrão.“Cui prodest?”, perguntariam os criminalistas se estimulados a investigar as motivações da “disgramada” (eis aí uma palavra que deveria entrar para o dicionário) reforma ortográfica. “A quem aproveita” o acontecimento? Ontem, enquanto um programa de televisão mostrava editoras de livros didáticos rodando exemplares com a nova ortografia, discerni alguns beneficiários. Pois que se regurgitem nos ganhos. Aliás, neste Natal, entre os presentes que recebi, estava um dicionário com a nova ortografia. Tenho 18 e preciso de um novo. Eu mereço? Não, ninguém merece.
http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default2.jsp?uf=1&local=1&source=a2355857.xml&template=3898.dwt&edition=11431&section=1012

E voces? já se acostumaram com a idéia de escrever ideia(sem acento) daqui prá frente?

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Matando as saudades.

Mexendo em uns cds aqui em casa, achei esse com as fotos da Luíza quando tinha a mesma idade do Gabriel. Fiquei boba de ver como ela se parecia com ele nessa idade (quase 10 meses) o que voces acham???

quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

Ano novo e mais uma nova vidinha.

Poisé, nos pegou de surpresa. Era terça-feira e eu estava em minha casa em Ubá, ajeitando umas coisas para viajarmos na quarta, quando toca o telefone. Era o willian dizendo para eu arrumar as malas pois iríamos para Cataguases naquele momento. Perguntei o que havia acontecido e ele me disse:
- A bolsa da Andreza estourou e ela já está na maternidade dando entrada de internação, o Murilo nasce hoje.
_ Oquê? mas como assim, eu disse
_arruma tudo que eu estou chegando prá buscar voces.
Fiquei feliz e ao mesmo tempo preocupada, pois Andreza(irmã de meu marido prá quem ainda não sabe) está apenas com 35 semanas completadas na segunda- feira e era terça. a data provável para o parto era a partir do dia 20 de janeiro.
Chegamos em Cataguases, deixei as crianças com minha mãe e rumei pro hospital. Quando chegamos lá o neném ja tinha nascido e era tão pequenino, mas ao mesmo tempo tão esperto e ... lindo... nossa como ele é bonitinho!!! Nasceu com 45 cm e 2,400 kg, mas graças a Deus com muita saúde, agora eles já receberam alta e estão em casa. Eu fico tão bobona quando vejo um bebezinho que dá até vontade de ter outro... Brincadeirinha... quero ter é muuuuuitos sobrinhos agora. hi hi hi.
A nossa virada de ano foi assim começou com muita alegria e tenho certeza que será assim o ano todo, dizem que os anos ímpares sâo anos de sorte. será???? Beijos e um ótimo ano.